Em gestão corrente ...como o País...

Janeiro 19 2009

    Com um beijo de ano novo para a Graça Martins, artista plástica que tem presença habitual neste blogue, aqui se dá conta do seu blogue pessoal que vale a pena visitar com regularidade em:

 

http://euelaeaescrita.blogspot.com

   


    

 


Janeiro 18 2009

    

Há tempos,

um leitor atento deste blogue,

perguntava se ainda existia a Fonte da Mealhada;

aqui está ela!

Um abraço ao Peter

(que é da Mealhada!)

     

Fonte da Mealhada

Está situada junto ao Parque 25 de Abril, num local soberbo tendo como fundo a Serra de S. Paulo.

É formada por cinco pilares com capitéis e silharia granítica aparelhada, com cimalha superior encimada por uma cornija com dois pináculos laterais decorados com uma esfera e um frontal com um brasão circular em mármore com as armas da vila, terminado por uma cruz na base da qual se encontra gravada a data de 1699, ano da construção desta fonte, neste local, já no séc. XVI.

As quatro bicas, de onde brota a famosa água de Castelo de Vide são em mármore e representam cabeças de leão.

(Fonte: Câmara Muncipal de Castelo de Vide)

     


 


Janeiro 18 2009

    

Descendo a judiaria

ou subindo pela porta da muralha,

do lado de Espanha

chega-se a esta graciosa fonte

toda em mármore.

     

     

Fonte da Vila

   Classificado como IIP (Imóvel de Interesse Público) desde 1953, é o Ex-Líbris da Vila, constitui um monumento que se destaca entre outros, não só pelo seu valor artístico, como pelo conjunto arquitectónico e urbanístico em que está inserida. Situa-se em pleno Largo Dr. Frederico Laranjo.

   Analisando-se a planta de delimitação do bairro judeu de Castelo de Vide, pode concluir-se que a fonte estava integrada no mesmo. Este existiu desde o séc. XIV ao séc. XV. A fonte foi um foco de desenvolvimento radial de ruas que se desenvolveram à sua volta, deduzindo-se que terá sido construída no séc. XVI, no reinado de D. João III, embora também seja provável que a sua construção seja de várias épocas, em que no início terá existido apenas uma nascente, inicialmente transformada numa pequena fonte de água potável, que no séc. XVI foi mandada construir.

   A forma do tanque principal é rectangular e delimitado por lajes graníticas dispostas na vertical do qual saem seis colunas de mármore que sustentam uma cobertura piramidal que remata em pinha. Ao centro do tanque ergue-se um corpo discóide com quatro bicas simétricas e sobre este, um outro paralelepípedo, decorado com as Armas de Portugal, as do Concelho e com duas figuras de meninos. Este conjunto é rematado por uma pinha em forma de flor de acanto ou tulipa.

   Ao lado possui um outro tanque, rectangular, destinado a animais bestas e cavalares.

(Fonte: Câmara Municipal de Castelo de Vide)

 


  

 

 


Janeiro 18 2009

      

   Ao navegar pelo site da "Arte Periférica", galeria situada no Centro Cultural de Belém, deparei com a pintura de Eva Navarro (Madrid, 1967), que me parece de excelente qualidade.

                           

                 

 

 Eva Navarro, Beso, 2006,

acrilíco s/ tela, 40x120

              

 

Eva Navarro, La Galería, 2005

acrilíco s/ tela, 100x100 (2x)

 

 

 

    

Eva Navarro, Vacio negro, 2006,

acrilíco s/ tela, 130x81

e

Serie "Quietos" nº 7,2005,

acrilíco s/ tela, 80x30

   


 

emgestaocorrente às 16:53

Janeiro 18 2009

    

O seu nome é gracioso

e muito próprio dela

    

    

   O seu nome é gracioso e muito próprio dela:

   Respira um vago tom de música inocente;

   E lembra a placidez de um lago transparente,

   Recorda a emanação tranquila duma estrela.

 

   Lembra um título bom, que logo nos revela

   A ideia do poema. E todo o mundo sente

   Não sei que afinidade entre o seu ar dolente,

   A sua moridezza, e o nome próprio dela.

    

   E chego a acreditar - ingenuamente o digo -

   Que havia um nome em branco, e Deus pensa consigo

   Em traduzi-lo enfim numa expressão qualquer:

    

   De forma que a mulher suave e graciosa

   Faz parte deste nome um tanto cor-de-rosa,

   E este nome gentil faz parte da mulher.

     

      

Guilherme de Azevedo, in

"366 poemas que falam de amor", org. de Vasco Graça Moura

Quetzal Ed., Lisboa 2004

     


 


Janeiro 18 2009

  

   Do "31 da Armada":

   

Uma potência diplomática
     

Poucas horas depois de Portugal ter decretado um embargo ao fornecimento de armas a Israel, o governo de Olmert anunciou um cessar-fogo unilateral. Seguindo a doutrina Sócrates quanto à Euribor, é caso para dizer que Portugal criou as condições para a paz no Médio Oriente.

 

 

   Mais um milagre do "Eng.º"!!!

  


 


Janeiro 17 2009
Fotos - Ricardo Monteiro

 

   Tarde primaveril após várias semanas de chuva e muito frio.

  Casualmente passei pelo site de um fotógrafo amador de Minas Gerais - Ricardo Monteiro - e encontrei estas fotografias que  espelham bem o desejo, que deve ser geral, de que o inverno não tenha existido e que do outono se tivesse passado directamente para a primavera.

       

      


 

emgestaocorrente às 18:11

Janeiro 15 2009

    

   E ainda a propósito dos posts anteriores, a habitual ironia corrosiva do "Blogue dos marretas":

   

   

UI TADINHA, FEZ DÓI-DÓI, FOI?
Comunidade Islâmica de Lisboa “magoada” com as palavras de José Policarpo
ANIMAL

 

Etiquetas: arranjem lá um brufen ao óme pá

      


 


Janeiro 15 2009

     

   E a propósito do post anterior, lembrei-me destes 2 desenhos (excelentes!) da pintora Graça Martins, que aqui se saúda.

 

 

     img2

     

 

emgestaocorrente às 18:29

Janeiro 15 2009

    

   Agnóstico e livre pensador, não entendo como declarações sensatas (e óbvias!) como as do Cardeal D. Policarpo estão a causar tanto escândalo nas gentes "bem pensantes" com a habitual amplificação e colaboração dos meios de comunicação social.

   Por pensar exactamente como Jorge Carreira Maia, aqui se rapina um seu post do seu "A ver o mundo", escrito com o seu habitual brilhantismo.

A matéria e a forma

 


 

   Vai por aí um grande banzé com as declarações do cardeal Policarpo sobre os casamentos entre mulheres cristãs e homens muçulmanos. O cardeal de Lisboa teve a infeliz ideia de sugerir às jovens o uso da razão. Pensem duas vezes, terá dito. Num mundo em que pensar uma vez é já um exercício execrável, talvez o cardeal Policarpo se tenha excedido. Como podem as jovens portuguesas pensar duas vezes? Talvez seja uma manifesta impossibilidade. Mas pior que o irrealismo cardinalício sobre as capacidades das jovens (e já agora dos jovens) portugueses para pensar, é o coro de virgens que se faz ouvir a propósito destas declarações. Parece que é uma pouca vergonha aquilo que D. José Policarpo fez, sintoma de um comportamento impróprio do século XXI, um atentado contra o espírito ecuménico e o diálogo inter-religioso, um desconhecimento dos imperativos multiculturais, talvez mesmo um exemplo de racismo e xenofobia. Pobre cardeal. É evidente que aquilo que ele disse não interessa para nada. E se uma jovem portuguesa se meter num monte de sarilhos é um problema de somenos. Também, para toda esta gente que adora a forma correcta, a situação da mulher em muitas sociedades islâmicas é irrelevante, bem como a cultura, que em muitas dessas sociedades é permitida, e que faz da mulher um ser abaixo e submetido ao marido, é matéria que não interessa discutir. Para mim, neste mar de indignação contra as palavras do cardeal-patriarca ecoa uma nostalgia. A nostalgia dos tempos em que os homens cristãos podiam fazer às suas mulheres cristãs aquilo que os muçulmanos ainda vão podendo fazer. A igualdade da mulher deixa muitos homens, de aspecto viril, com a barriga das pernas a tremer.

 

 

 


Janeiro 15 2009

    

   Outros dois bons momentos do "Corte na aldeia":    

Recomendações

 








C'est très joli d'être innocent ; il ne faut pas en abuser. 


 Marcel Pagnol

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Suavidades






Mantem os olhos bem abertos antes do casamento e meio fechados depois.
 
 
Benjamin  Franklim
                                                                                    

 


Janeiro 15 2009

     

   Do diáriamente indispensável "Corte na aldeia", dois grandes momentos:  

A construção do efémero

 


É melhor não fazermos muitos planos para a vida para não baralharmos os planos que a vida tenha para nós

agostinho da silva

 

    

     

 

Princípio e fim

 



Andamos e não chegamos. O andar é tudo, princípio e fim.

Teixeira de Pascoaes

     


 


Janeiro 15 2009

      

   Outra fotógrafa desconhecida (para mim) e também com nome bárbaro.

   A visitar aqui.

    

Autumn leaves...Autumn...

          


 

emgestaocorrente às 15:59
Tags:

Janeiro 15 2009

       

   Não faço a miníma ideia de quem é este fotógrafo com um nome tão bárbaro, mas que vale a pena ver a sua galeria, nisso não tenho dúvidas.

   Pode ser vista aqui.

   

light and green

                 


 

emgestaocorrente às 15:24

Janeiro 06 2009

     

O velho Eric Clapton em Old Love.

  


Eric Clapton - Old Love
Enviado por harrison73

 

   


 

emgestaocorrente às 11:49

Janeiro 06 2009

 

   Ray Charles e Willie Nelson cantam Seven Spanish Angels

   Para começar bem o dia!

 


Discover Ray Charles!

 


 

emgestaocorrente às 10:59

Janeiro 06 2009

           

   Sob o tema “NAVEGANDO PELOS ATELIERS DA MEMÓRIA” o pintor António Carmo vai expor na Galeria Galveias, Rua da Misericórdia, 83 (Chiado) em Lisboa, de 10 de Janeiro a 21 de Fevereiro de 2009, cerca de 15 trabalhos a óleo sobre tela.
   Com esta mostra pretende o autor fazer uma homenagem à pintura universal, encetando um diálogo com várias figuras reconhecidas mundialmente.

 

    Inauguração dia 10.1 das 16 às 20horas
Horário: segunda a sábado das 10,30 às 13horas e 14,30 às 19horas


 

emgestaocorrente às 09:50

Janeiro 05 2009

        

   Via "Blasfémias", um vídeo que arrepia: "membros do Hamas chacinam os líderes da Administração da Fatha (OLP) em Gaza, após tomarem o poder pela força em Junho de 2007 ".

 

   A minha simpatia por Israel é nula, mas depois de ver este vídeo, em que elementos do Hamas chacinam, a sangue frio, membros (palestinianos, também!!!) da Fatha, desejo que a acção militar israelita consiga destruir o Hamas.

   E que dizer das forças políticas da "esquerda" portuguesa que apoiam, sem problemas de consciência, estes asassinos do Hamas?

   

 

 

 

  

  


Janeiro 03 2009

País de desempregados,

de licenciados semi-analfabetos,

em que mesmo as classes médias

(praticamente destruídas

pelo governo "socialista" - e pelo anterior!)

já recorrem ao Banco Alimentar.

País sem rumo,

em que os impostos estão sempre a aumentar

e o emprego e o poder de compra sempre a diminuir.

Valha-nos Maria Bethânia, um autêntico Porto Vintage!

      

emgestaocorrente às 10:30

Janeiro 03 2009

Manhã chuvosa,triste e cinzenta.

Um país que se diverte,

há anos,

a gastar mais do que produz.

Um governo de cromos e de "engenheiros"

com diplomas comprados ao domingo, por fax.

Valha-nos Ana Carolina e a sua voz meiga mas poderosa.

            


mais sobre mim
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16

20
21

25
31


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO