Em gestão corrente ...como o País...

Julho 15 2008

   E para acabar bem a noite, ouça Jackson do Pandeiro.

 

 

   


 

Tem pouca diferença - Jackson do Pandeiro
emgestaocorrente às 23:35

Julho 15 2008

   Via "A Ver o Mundo", blogue de frequência diária, este poema de Jorge Carreira Maia

A viagem tem

 

A viagem tem
um sabor de cal
quando vou por ti,
na rua, deslumbrado.

Oiço então os pássaros
que o Inverno traz
e no seio da terra
logo se escondem.

Vejo-os vivos, pálidos,
infelizes mármores
que da pedra foram
por tuas mãos libertos.

Cantam livres do
coração que assim,
com tão doces modos,
em mim os prendeu.

 

Jorge Carreira Maia,

Pentassílabos, 2008

    


 


Julho 15 2008

   Via "Corte na Aldeia", um poema de Eugénio de Andrade

Sabor a barcos e bruma

 




Procura a maravilha.

Onde um beijo sabe
a barcos e bruma.

No brilho redondo
e jovem dos joelhos.

Na noite inclinada
de melancolia.

Procura.

Procura a maravilha.



Eugénio de Andrade

 

 


 


mais sobre mim
Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

18

20
22
23
24
26

28
29
30


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO