Em gestão corrente ...como o País...

Maio 24 2007

    

      Para ouvir clique no link          

      http://pwp.netcabo.pt/bicles/cc2.mp3

      Pode continuar a ler o blogue enquanto ouve a música desde que minimize a janela do Windows Media Player.

       


emgestaocorrente às 23:17
Tags:

Maio 24 2007

           

      Sou funcionário público, e antes que alguma directora regional me suspenda, apresso-me a sugerir ao Ministro Mário Lino a localização definitiva do novo aeroporto de Lisboa reunindo todas as condições requeridas por aquele ministro após almoçar.

      Assim, o novo aeroporto deve ser construído no tabuleiro central da Avenida da Liberdade.

      Tem hotéis , lojas, população e hospitais nas imediações!

      E o impagável Dr. Almeida Santos  fica mais descansado; não consta que exista nenhuma ponte naquela avenida que possa ser dinamitada!

   

 


 

     


Maio 24 2007

    

     O Blasfémias (www.ablasfemia.blogspot.com)  publica hoje a fotografia que mostra, sem sofismas, a verdadeira face da margem sul do Tejo.

     Esta fotografia foi cedida pelo impagável Mário Lino, cromo que ocupa a pasta das Obras Púlicas e que foi estalinista até às vésperas do PS lhe dar tacho, cama e roupa lavada.

     A reter: Mário Lino é engenheiro civil e está inscrito na Ordem dos Engenheiros, ainda não foi suspenso pela directora da DREN e considerou a margem sul faraónica e um deserto, após ter almoçado (!).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 


Maio 24 2007

          

       O Sr. Marques Belo, nosso leitor em Alpalhão (Nisa), enviou-nos esta fotografia de um campo de futebol entre Extremoz e Sousel.

        As redes e as marcações já desapareceram há anos.

      As flores ocuparam o terreno que os desportistas abandonaram rumo a Espanha, Alemanha ou Inglaterra ou qualquer outro sitio onde possam ganhar a vida.

       A pátria é uma madrasta para os portugueses e o centralismo bonapartista do Terreiro do Paço está-se nas tintas para o interior.

       As oliveiras definham de solidão.

      Ao menos, como diz o nosso leitor, neste campo não há jogos sujos, nem insultos, nem expulsões.

  

 



Maio 24 2007

             

Sinopse do livro "Inquietude" de Maria Tersa Horta, Edições Quasi

                  

        

DESATO Às vezes invento outras vezes desgraço Desbravo os sentidos

castigo ou desato Deponho o que sei acrescento o que faço Às vezes

construo outras vezes desfaço


mais sobre mim
Maio 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
25
26

27
30


links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO