Em gestão corrente ...como o País...

Janeiro 25 2007

 


 

 

É assim a luz, encantamento e euforia.

Nela estou intenso e exausto, ela me acolhe

entre muros,

 

dela acolho o tempo, a finíssima alegria

do tempo. É nas suas margens que vive

esse rosto infinito, a altura do anjo

debruçado na solidão,

 

na branca e azul luz de Évora, no sul,

onde apetece a alegria, uma casa abrigada

da tempestade.

 

Francisco José Viegas

in "Metade da Vida", 2002

 

emgestaocorrente às 23:43

mais sobre mim
Janeiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

26
27

31


links
pesquisar
 
WEBOSCPE
Colocado a 1/10/2008
blogs SAPO