Em gestão corrente ...como o País...

Maio 19 2008

  

   Da TSF retirei esta noticia que mostra as maravilhas económicas do governo do "eng.º" e do cromo do Pinho ( o Ministro da Economia que foi a Itália comprar sapatos porque não sabia que se fabricavam em Portugal!!!).

   O investimento estrangeiro, em Portugal, caiu para menos de metade de 2006 para 2007!!!, ao contrário do que aconteceu no resto da Europa.

   Ainda é preciso esperar quanto tempo para correr com estes cromos que nos governam?

   

 

Eurostat Foto©Direitos Reservados
• EUROSTAT
Empresas estrangeiras investem menos em Portugal
As empresas portuguesas apostaram muito menos em Portugal no ano passado. O investimento directo estrangeiro caiu mais de metade, pelos dados do Eurostat.
 
( 14:19 / 19 de Maio 08 )

 

As empresas estrangeiras investiram menos em Portugal, no ano passado, com o investimento directo estrangeiro a registar uma quebra superior a 50 por cento.

Pelos dados do Eurostat, as empresas europeias investiram no nosso país 2 mil e 800 milhões de euros em 2007. Quanto ao ano anterior, em 2006, esse valor chegou quase aos 6 mil milhões e meio de euros.

Quanto às empresas fora da Europa a 27, também apostaram menos na economia nacional com o investimento a fixar-se nos mil e 300 milhões de euros, no ano passado contra 2 mil e 700 milhões em 2006.

Esta tendência de forte baixa contrasta com o resto da União Europeia que conseguiu aumentar os níveis de investimento no estrangeiro.

Pelos dados revelados pelo gabinete de estatística de Bruxelas, também o investimento de empresas portuguesas no estrangeiro sofreu uma queda.

Na Europa, os grupos nacionais investiram apenas 2 mil e 800 milhões de euros no ano passado, uma quebra de quase mil milhões em relação ao ano anterior.
 

         


 


Maio 19 2008

   

   Esta noite o blogue ultrapassou os 25.000 visitantes desde que foi colocado o contador em 1 de Outubro de 2007 (menos de 8 meses!).

   A todos o meu muito obrigado, especialmente aos mais fieis (que são muitos!).

       


 

emgestaocorrente às 22:05

Maio 19 2008

    

   Parece impossível mas tudo o que os portugueses ganharam com o seu trabalho desde 1 de Janeiro até hoje foi parar direitinho para os cofres do Estado.

   Só a partir de amanhã, quase metade do ano, é que o dinheiro ganho reverte para os próprios trabalhadores.

   Em relação ao ano passado, o número de dias de trabalho necessários para pagar os impostos ao Estado aumentou mais um dia!

   Um Estado cada vez mais insaciavelmente glutão que oferece cada vez menos aos seus contribuintes!

   Viva o Estado, viva o socialismo, viva o Sócrates (que não conhece a lei que impôs aos portugueses e, por isso não paga as multas que cobra aos outros)!!!

   


 

emgestaocorrente às 21:48

mais sobre mim
Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

14

20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


links
pesquisar
 
WEBOSCPE
Colocado a 1/10/2008
subscrever feeds
blogs SAPO