Em gestão corrente ...como o País...

Novembro 09 2008

                                

click to comment click to comment click to comment  click to comment click to commentclick to comment

    


 

emgestaocorrente às 16:45

tirei várias fotos desta mesma capela há muitos anos quando estive a fazer um espectáculo medieval em Flôr da Rosa , tendo o meu quartel general em Portalegre, no Hotel D. João II. Aliás Portalegre tem coisas lindissimas e as vilas nos arredores tb.
Zica Caldeira Cabral a 15 de Novembro de 2008 às 15:27

Cara Prof.ª Zica Caldeira Cabral:
(que sorte não ser prof.ª em Portugal !)

Mais um gosto que partilhamos: Portalegre e as vilas próximas (Castelo de Vide e Marvão, mas também Crato, Alpalhão -muito rica em cantarias de granito, etc.).
Tenho pubicado (e continuarei...) muitas fotos desta zona.
Obrigado pela sua visita.
Cordiais saudações.
António Ventura

Xiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!!!! Nãome chame essas coisas que me faz "beiiilha". Zica chega muito bem. Sempre fui prof em Portugal e nunca tive problemas. Os meus alunos - desde universitários a jardins de infancia, sempre gostaram imenso de mim e respeitavam-me. E aqui tb. Talvez porque sempre adorei ensinar e tb respeito os meus alunos. Para se ser prof tb é preciso ter talento e acho que herdei isso do meu Pai. É preciso ouvir os alunos, as suas duvidas, os seus receios e ser muito paciente. Claro que desde há 8 anos para cá a situação em Portugal mudou imenso. Acho que vim para cá em boa altura!!!!!!!!!
Neste momento até nem dou muitas aulas, tenho apenas 1 aluno de guitarra classica porque este ano não tive tempo para isso. O meu marido entrou em Janeiro no Hospital e morreu em Maio por isso nao tinha cabeça nem disposição para nada. Mas ainda este ano quero ver se arranjo mais alunos fazendo um pouco de publicidade.
A unica coisa em que me meti foi a aprender piano, um sonho já velho que se realizou este ano. E dá-me um tremedo gozo. É evidente que já tocava um bocadinho e que em miuda tocava mais, mas depois de 40 anos sem tocar achei que precisava de umas aulinhas e estou mesmo feliz. Comecei com o livro de Ana Madalena Bach e tb com Mozart.
Vi no seu perfil que so dos seus musicos favoritos...........aliás todos os que lá estão são tb meus preferidos (tirando o Pedro Barroso) Mas todos os musicos do Barroco e os romanticos são os meus favoritos. Bach, Handel, HUmmel, Haydn, Mozart, Beethoven, Chopin, Satie e sei lá mais quantos......................Prokofief, Thaikovsky, tantos que é impossivel nomeá-los.
Eric Clapton é o meu idolo....................acrescentarei..............Excelente guitarrista e compositor.

Gostei imenso da sua frase da D. Flor e seus 2 maridos. Deus é gordo e o céu está azul...........
Tinha esse livro, autografado especialmente para mim pelo Jorge Amado mas, caí na asneira de o emprestar e fiquei sem ele.............
E pronto por aqui me fico se não açambarco todo o seu espaço.
um abraço
Zica


Desolado com o que contou sobre o que aconteceu ao seu marido.
Mas a vida continua e os filhos e, principalmente, os netos precisam de nós e para eles vivemos, em grande medida!
Que sorte ter ido para o UK, nestes tempos de névoa (ou trevas?) do nosso país!
De certo que a arte do piano vai contar com uma nova "virtuose"!
Penso que se conhecesse um pouco melhor o Pedro B. mudaria de opinião, apesar do seu péssimo feitio!
Um abraço.
António Ventura

eu acho que sim, que saí de Portugal na altura certa. Aliás na minha vida as coisas têm acontecido (sem eu as procurar) sempre nas alturas e momentos certos.
Não, o piano não vai encontrar uma nova virtuose. Eu recomecei a tocar por uma questão terapeutica. Aqui há uns anos tive m AVC que me danificou algumas partes das areas associativas da memoria. A musica, é a melhor terapia e, tenho tdo francas melhorias. Ao principio era-me dificilimo e super lento o processo de memorização e agora, cada dia é mais rápida e eficiente. Como estudei (e ainda estudo)o desenvolvimento da cerebralização, é-me mais facil saber o que está errado e tentar emendá-lo. Optei pelo piano porque para a guitarra já não dá. Tb tenho uma doença muscular que me impossibilita de tocar guitarra classica como dantes. O piano trabalha outro tipo de musculos e, sobretudo , não requer a força que a guitarra necessita. Embora tenha dores domino-as muito mais facilmente. Por isso não sou virtuosa sou só amante e completamente apaixonada (sempre fui) pelo instrumento.

Quanto ao Pedro B. Conheço, fiz um espectáculo há muitos em que ele tb participava e não gostei do personagem. Era rude, arrogante , mal educado propositadamente e, ainda por cima como se isso não bastasse, cheirava mal. Gosto de algumas coisas dele mas não de tudo (como cantor e interprete) mas não gosto mesmo do personagem.
É daqulas pessoas que não me deu vontade nenhuma de voltar a ver e de aprofundar o conhecimento. Se calhar até estou errada....................não digo o contrário. Mas a impressão que tive dele não foi das melhores.
Quanto ao que se passa no nosso amado (mas mal tratado) país, de facto oiço toda a gente a queixar-se e de certo que têm razão. Mas agora pergunto, não foi o POVO que escolheu a criatura que está agora no poleiro??? Não foi eleita por uma maioria? Não tem vindo, esse país, a sofrer uma degradação progressiva de há quase um seculo a esta parte? Sobretudo desde os tempos da 1ª Républica. Pelo menos é que se se pode ver historicamente.
Depois da revolução então tem sido uma desgraça só.
E não me vou explanar em comentários politicos porque o que sei é só historicamente falando.
A Demos Cratia tem falhas. Ja as tinha no tempo dos gregos que lhe inventaram o conceito. Mas foi uma escolha. Para mim, certamente melhor que qualquer ditadura.
Mas tb, em 1934 (ou talvez antes) O Salazar tb foi visto como o Salvador da Patria não foi? E deu no que deu. Teve coisas boas e coisas más
O problema é que, as pessoas certas e perfeitas nunca existiram. Agora muito menos pois a corrupção grassa no nosso país.
Mas posso dizer-lhe que antevejo um futuro muito negro para Portugal.
E mais não acrescento.
Um abraço
Zica

Ah vou acrescentar , porque falou de filhos e netos que, tenho 3 filhos e 5 netos lindos de morrer. Infelizmente estão todos em Portugal mas quando lá estive agora vi-os a todos. Estão umas coisinhas queridas. 11,8,7,5 e 4 respectivamente. 4 filhos da minha filha mais velha (e unica), 1 do meu filho mais velho e o 3 filho não tem rebentos. Se os quizer ver vá ao meu blog dos netos que estão lá todos. Filhos, netos, sobrinhos e restante familia.
Olhe que vale a pena (digo eu a Mãe/Avó babadérrima)............
um abraço
Zica

Por mim, tenho uma filha com 2 filhas (de 8 anos e 9 meses) e um filho com 2 filhos (de 12 e 5 anos).
É a lei da simetria!
Felizmente todos na mesma terra onde vivo - Torres Novas, e perto da minha casa.
São visita diária do Gô e da Tita (minha mulher) - sorte de avô.
Um abraço.
António Ventura

Sorte sim, pode crer. Escrevi uma grande resposta (acho que tenho a mania das grandezas porque escrevo sempre imenso )à sua resposta sobre o Luis Pignatelli mas quando clikei para entrar desapareceu tudo. Aliás agora, quando quis ver a resposta no seu blog tb não abriu e depois, quando abri estava o texto todo marado. Fechei, abri outra vez e está bem. Vamos ver se isto segue os caminhos correctos..............ou seja se não acontece a mesma coisa.
Um abraço e continuação de bom Domingo. Aqui está frio e já choveu imenso................frio é apelido.........gelado!!!!!!!!!!!!!!!!!!

mais sobre mim
Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14

20
21
22

24
25
26
28



links
pesquisar
 
WEBOSCPE
Colocado a 1/10/2008
blogs SAPO