Em gestão corrente ...como o País...

Março 03 2008

    

   Foi anunciado esta tarde, pelas famílias das quase 6 dezenas de vitimas da ponte de Entre-os-Rios, a desistência dos processos de indemnização.

   A razão apresentada baseia-se na ausência de atribuição de responsabilidades pelo sucedido por parte da "Justiça" portuguesa.

   Com efeito, 7 anos após o trágico acontecimento, os Tribunais ainda não foram capazes de (ou não quiseram ) atribuir responsabilidades pelos anos de desleixo a que aquela ponte foi votada (como foi comprovado pela passagem de vídeos , na TV, de sucessivas inspecções que chamavam a atenção para o eminente perigo de derrocada da ponte).

  O representante das famílias enlutadas declarou que estas tinham perdido a confiança na Justiça portuguesa!

   Ora aqui está alguém que ou regressou há pouco do estrangeiro ou tem andado a dormir, sem dar conta do país em que vive!

   E já agora. há hospitais que também estão em perigo de derrocada a qualquer momento, a tutela sabe, mas mantém-se impávida e serena; há sempre a esperança de não acontecer nada enquanto estão no governo e se acontecer, têm a garantia que os tribunais adormecem sobre o assunto...

    


emgestaocorrente às 20:17

mais sobre mim
Março 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


links
pesquisar
 
WEBOSCPE
Colocado a 1/10/2008
blogs SAPO